Skip to Navigation

Brasil

Comunicados, Brasil · Secretaría de Relaciones Internacionales de CGT · 10.10.2019

Para finalizar la gira de contactos con organizaciones rojinegras en Brasil, el pasado 8 de octubre de 2019 compartimos un encuentro abierto con la Federación de Organizaciones Sindicalistas Revolucionarias de Brasil (FOB) en el histórico Centro de Cultura Social de São Paulo en Brasil (CCSSP) creado en la década de 1930.

Brasil · 10.12.2016

12 de dezembro: Greve Geral para barrar o Pacote do Pezão

Fora Pezão, Renan e a PEC 55!

 

No fim da manhã e início da tarde deste histórico dia 6 de dezembro a democracia dos ricos mostrou sua verdadeira face. Enquanto o Senador Renan Calheiros (PMDB) e a mesa diretora do Senado anunciavam que não cumpririam uma determinação do Supremo Tribunal Federal (STF), no Rio de Janeiro, Pezão e Jorge Picciani ordenavam um enfurecido ataque da PM contra a manifestação dos servidores.

 

15390964_1183174881751505_5849901029677955203_n

 

Os escândalos de corrupção não param de vir à tona. A despeito de toda a crise política, da prisão de Antony Garotinho e Sérgio Cabral, dos protestos massivos, a assembleia legislativa fluminense avança na aprovação de medidas que legalizam o que já está acontecendo. A privatização da saúde, da educação, da aposentadoria, o fim do desconto no bilhete único e o fim dos restaurantes populares atingem o conjunto de trabalhadores que precisam de políticas sociais e serviços públicos de qualidade.

Brasil · 10.12.2016

12 de dezembro: Greve Geral para barrar o Pacote do Pezão

Fora Pezão, Renan e a PEC 55!

 

No fim da manhã e início da tarde deste histórico dia 6 de dezembro a democracia dos ricos mostrou sua verdadeira face. Enquanto o Senador Renan Calheiros (PMDB) e a mesa diretora do Senado anunciavam que não cumpririam uma determinação do Supremo Tribunal Federal (STF), no Rio de Janeiro, Pezão e Jorge Picciani ordenavam um enfurecido ataque da PM contra a manifestação dos servidores.

 

15390964_1183174881751505_5849901029677955203_n

 

Os escândalos de corrupção não param de vir à tona. A despeito de toda a crise política, da prisão de Antony Garotinho e Sérgio Cabral, dos protestos massivos, a assembleia legislativa fluminense avança na aprovação de medidas que legalizam o que já está acontecendo. A privatização da saúde, da educação, da aposentadoria, o fim do desconto no bilhete único e o fim dos restaurantes populares atingem o conjunto de trabalhadores que precisam de políticas sociais e serviços públicos de qualidade.

Brasil · 09.12.2016

Centrais Sindicais se reúnem para organizar a resistência contra a Reforma da Previdência

Nenhum direito a menos

08/12/2016 

A unidade para enfrentar a PEC (Proposta de Emenda à Constituição) 287, da Reforma da Previdência, foi o que moveu as principais centrais sindicais a realizarem na manhã desta quinta-feira (8) uma reunião, em São Paulo, para debater estratégias de resistência e luta. Luiz Carlos Prates, o Mancha, representou a CSP-Conlutas. Estiveram presentes representantes da CUT (Central Única dos Trabalhadores), Força Sindical, UGT (União Geral dos Trabalhadores), CTB (Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil) , CGBT (Central Geral dos Trabalhadores do Brasil), Nova Central e CSB (Central dos Sindicatos Brasileiros).

 

O anúncio da Reforma da Previdência foi feito nesta terça-feira (6). A expectativa do governo é que o texto seja aprovado no primeiro semestre do próximo ano. Por se tratar de uma mudança na Constituição, tem de passar pelos plenários da Câmara e do Senado, em duas votações, com maioria de 3/5 dos parlamentares.

Ecología, Brasil · 04.11.2016

Somos todos/as el Pueblo del Rio Doce!

Notas de referencia:

https://es.wikipedia.org/wiki/Catástrofe_de_las_represas_de_Bento_Rodrigues

http://surf-and-clean.com/la-muerte-del-rio-doce/

http://www.elmundo.es/ciencia/2015/12/04/566174b7e2704ef12c8b45ab.html

 

Solidaridad com los afectados por el crimen de Samarco BHP/Vale en Mariana  y la Marcha “1 Ano de Lama e Luta”

 

A un año del colapso del dique de Fundão el día 5 de noviembre de 2015, la Campaña Global para Desmantelar el Poder de las Corporaciones y poner fin a la Impunidad expresa su solidaridad con las y los afectados por el crimen social, ambiental y económico perpetrado por la empresa minera Samarco, de propiedad de la Vale y la británica BHP Billinton.

Saludamos a las organizaciones y movimientos sociales que desde el 31 de octubre marchan desde la localidad de Regencia, en Espíritu Santo, Brasil, donde el barro tóxico liberado por la represa llegó a través del Rio Doce al océano atlántico, dejando a su paso muerte y destrucción, en lo que se configuró como la peor catástrofe de la historia de este tipo de incidentes.